Banner

The Equinox Vol. III N° 1,
Março de 1919 e.v.

TODAS AS PESSOAS
QUE DESEJAREM SE
COMUNICAR
COM A
A∴A∴
DEVEM ENVIAR UMA CARTA
PARA O CANCELLARIUS DA A∴A∴
AOS CUIDADOS DOS EDITORES DO
The Equinox.

Editorial

Faze o que tu queres há de ser tudo da Lei.

O mundo precisa de religião.

A religião deve representar a Verdade, e celebrá-la.

Esta verdade é de duas ordens: um, concernente à Natureza externa ao Homem; dois, concernente à Natureza interna do Homem.

As religiões existentes, em especial o cristianismo, são baseadas na ignorância primitiva dos fatos, particularmente os da Natureza externa.

As celebrações devem respeitar os costumes e a natureza das pessoas.

O cristianismo destruiu as celebrações alegres, caracterizadas pela música, dança, banquete, e fazer amor; e manteve apenas a melancolia.

A Lei de Thelema oferece uma religião que preenche todas as condições necessárias.

A filosofia e a metafísica de Thelema são sãs, e oferecem uma solução dos problemas mais profundos da humanidade.

A ciência de Thelema é ortodoxa; não possui falsas teorias sobre a Natureza, nenhuma fábula falsa sobre a origem das coisas.

A psicologia e a ética de Thelema são perfeitas. Ela destruiu a ilusão abominável do Pecado Original, tornando todos únicos, independentes, supremos e suficientes.

A Lei de Thelema é dada no Livro da Lei [Equinox I, VII e X].

O The Equinox foi fundado para promulgar e demonstrar essa Lei.

A A∴A∴, ou Grande Fraternidade Branca, através da Qual esta Lei foi obtida, é um Corpo formado pelos mais altos Iniciados, comprometidos em ajudar a humanidade.

Ela oferece instrução no Caminho do Progresso Espiritual e Iluminação a candidatos individuais.

O trabalho da A∴A∴ é chamado de Iluminismo Científico. Este pode ser resumido citando Seu lema:

“O método da Ciência; o objetivo da Religião.”

Todos os candidatos aprendem como conhecer a Verdade para si mesmos, por meios precisos e bem testados.

A O.T.O. é a primeira das grandes Sociedades religiosas a aceitar a Lei. Ela treina grupos por meio de iniciação progressiva.

O The Equinox publica todas as instruções e pronunciamentos da A∴A ∴ e da O.T.O. Ele também publica poesia, drama, ficção e ensaios, que sejam simpáticos a este programa, a medida em que o espaço permita.

O The Equinox é assim chamado, primeiramente, porque é o comentário sobre a Palavra do Novo Êon, θελημα, que foi dada no Equinócio dos Deuses, quando a Criança Coroada e Conquistadora, Hórus, tomou o lugar do Deus Sacrificado, Osíris. (O Equinócio marca um período de um influxo de Força renovado de nosso Pai o SOL.) Em segundo lugar, de acordo com isso, a publicação ocorre nos Equinócios de Primavera e de Outono de cada ano. A regra da A∴A∴ é alternar 5 anos de silêncio com 5 anos de fala. Daí a publicação foi de 1909 a 1914, An V a IX; e agora de 1919 a 1924, An XV a XIX.

Amor é a lei, amor sob vontade.

Præmonstrance da A∴A∴

Um Manifesto da Grande Fraternidade Branca

Faze o que tu queres há de ser tudo da Lei.

O Præmonstrator da A∴A∴ deseja que se saiba que o período de silêncio, que (de acordo com a Regra da Ordem) perdura a cada período de cinco anos alternados, acabará no Equinócio de Primavera no ano de 1919 da era vulgar.

Ele deseja chamar a atenção aos princípios gerais da Grande Fraternidade Branca, que também é conhecida como A∴A∴.

Em primeiro lugar, este Corpo existe com a finalidade de conferir a Iniciação. Em segundo lugar, ele prepara as pessoas para a Iniciação por meio de cursos de instrução.

Estes cursos são divididos em duas partes principais, a teórica e a prática.

Informações relativas a ambos estes cursos.

A Ordem emite livros de instrução impressos. Eles cobrem os clássicos de todos os sistemas anteriores, e explicam o sistema da A∴A∴ em particular. Estas instruções são publicadas de uma forma extremamente abrangente e bem-ordenada. Todas as instruções foram editadas em linhas estritamente científicas. Os estudantes são cuidadosamente treinados neste trabalho; exames são realizados regularmente, e diplomas emitidos para aqueles que passam. Portanto, a instrução da A∴A∴ é tão precisa e definida quanto um curso universitário.

Durante os cinco anos de fala a partir do Equinócio de Primavera de 1909 da era vulgar, 65 livros diferentes foram publicados, quase todos esses sendo impressos nos 10 números do Volume I do The Equinox.

O Volume I do The Equinox agora é muito raro e caro. Apenas algumas coleções ainda estão disponíveis; e estas custam $100 por conjunto. Quando estes forem vendidos, a proposta é voltar a publicar de forma separada as Instruções Oficiais acima mencionadas, em benefício dos estudantes que ficaram desapontados ao tentar adquirir conjuntos do Volume I do The Equinox.

A A∴A∴ publicará um novo volume do The Equinox em 10 números em intervalos de seis meses, começando com o Equinócio de Primavera (23 de março) do ano vulgar de 1919.

Os principais itens da nova promulgação são os seguintes:

Liber CCXX. O Livro da Lei, que é o alicerce de todo o nosso trabalho, e os comentários sobre ele escritos pelo Mestre através do qual o livro foi dado ao mundo.

Liber LXI. Um manuscrito dando um relato da história da A∴A∴ em tempos recentes.

Esta história não contém mitologia: é uma declaração de fatos suscetíveis à prova racional.

Liber CL. De Lege Libellum. Uma breve explicação da Lei, exaltando sua virtude sublime. Por Mestre Therion.

Liber LXV. O Livro do Coração Cingido com uma Serpente. Este tratado mágico particularmente descreve a relação do Aspirante com seu Self Superior. Trata-se, tanto na concepção quanto na execução, de uma obra-prima da exaltação do pensamento, esculpida em Pura Beleza.

Liber VII. O Livro de Lápis-lazúli. Fornece, em linguagem mágica, um relato da Iniciação de um Mestre do Templo. Este é o único paralelo, em Beleza de Êxtase, a Liber LXV.

Liber XXVII. Vel Trigrammaton. Descreve o Curso de Criação sob a Figura da Interação de Três Princípios. Este livro corresponde às estâncias de Dzyan.

Liber DCCCXIII. Vel Ararita. Este livro descreve em linguagem mágica um processo muito secreto de Iniciação.

Liber II. A Mensagem do Mestre Therion. Explica a essência da Nova Lei de uma forma muito simples.

Liber DCCCXXXVII. A Lei da Liberdade. Esta é uma explicação adicional sobre o Livro da Lei em referência a certos problemas éticos.

Liber DCXXIII: De Thaumaturgia. Uma declaração de certas considerações éticas sobre a Magia.

Liber LXXIII: A Urna. Esta é a sequência do The Temple of Solomon the King, e é o Diário de um Magus. Este livro contém um relato detalhado de todas as experiências pelas quais o Mestre Therion passou em sua consecução deste grau de Iniciação, o mais alto possível para qualquer Homem manifesto.

Liber LXXI: A Voz do Silêncio de H.P. Blavatsky, com um comentário elaborado de Frater O. M. Frater O.M., 7=4, é o mais erudito de todos os Irmãos da Ordem; ele dedicou dezoito anos ao estudo crítico da presente obra-prima.

Liber XXI. O Clássico da Pureza: de Ko Hsuen. Uma nova tradução do chinês por Mestre Therion.

Liber Aleph CXI. O Livro da Sabedoria ou da Tolice. Um comentário estenso e elabodo sobre o Livro da Lei, na forma de uma carta de Mestre Therion para seu filho mágico. Este Livro contém alguns dos mais profundos segredos da iniciação, com uma solução clara de muitos problemas cósmicos e éticos.

Liber CCCXXXIII. O Livro das Mentiras, falsamente assim chamado: com um comentário estenso por Mestre Therion. Este livro contém alguns dos mais valiosos epigramas místicos já escritos, e também alguns rituais secretos muito importantes. É o Manual oficial da A∴A∴ para os “Bebês do Abismo”.

Liber XV: O Cânone da Missa, de acordo com a Igreja Gnóstica Católica, que representa o cristianismo original e verdadeiramente pré-cristão.

Liber LI. O Continente Perdido. Um relato do Continente da Atlântida: os modos e costumes, os rituais mágicos e as opiniões do seu povo, juntamente com um relato verdadeiro da catástrofe, assim chamada, que acabou com o seu desaparecimento.

Liber CVI. Um Tratado Sobre a Natureza da Morte, e a atitude adequada a ser tomada nesse sentido.

Liber DCCCLXXXVIII. Um Estudo Completo das Origens do Cristianismo.

Liber DCLXVI. A Besta. Este Livro é um relato da Personalidade Mágica que é o Logos do Êon atual.

Liber LXXXI. A Rede de Pegar Borboletas. Um relato de uma operação mágica, particularmente relativa ao planeta Lua, escrito sob a forma de um romance.

Liber DCCLXXVII. Um Dicionário Completo das Correspondências de Todos os Elementos Mágicos, reimpresso com extensos acréscimos, fazendo dele o único livro de referência padrão e abrangente já publicado. Está para a linguagem do Ocultismo assim como o Webster e o Murray estão para o idioma inglês.

Liber CCXVI. Yì Jīng. (Clássico das Mutações). Uma nova tradução, com um comentário, por Mestre Therion. Confúcio disse que se sua vida fosse prolongada por alguns anos, ele gastaria cinquenta deles no estudo deste livro.

Liber CLVII. Dào Dé Jīng. Uma nova tradução, com um comentário, por Mestre Therion. Este é o mais exaltado, e ainda prático, dos clássicos chineses.

Liber CLXV. O relato da consecução de um Mestre do Templo: dado em detalhes completos por Frater O.I.V.V.I.O. Este é o Registro de um homem que realmente obteve a consecução pelo sistema ensinado pela A∴A∴.

Liber DXXXVI. Um Tratado Completo Sobre Astrologia, por Frater O.M. Este é o único manual composto em linhas científicas; classificando os fatos observados, ao invés de deduzir a partir de teorias a priori.

Liber XLIX: Shi Yi Chien. Um relato da perfeição divina ilustrado pela permutação sétupla da Díade.

Liber LXXVIII: Um Tratado Completo Sobre o Tarô dando os desenhos corretos das cartas com as suas atribuições e significados simbólicos em todos os planos.

Liber LXXXIV. A conclusão deste Livro (iniciado no Equinox I, VII, VIII), que explica o sistema do Universo concebido por Dr. John Dee (astrólogo da Rainha Elizabeth) e Sir Edward Kelly.

Liber CMXXXIV. O Cacto. Um estudo elaborado dos efeitos psicológicos produzidos pela Anhalonium Lewinii (Mescalina), compilado a partir dos registros reais de algumas centenas de experimentos; com um ensaio explanatório.

Liber CCLXV. A Estrutura da Mente. Um tratado sobre a psicologia do ponto de vista místico e mágico. Seu estudo ajudará o aspirante a fazer uma análise científica detalhada de sua mente, e assim a aprender a controlá-la.

Liber CCCLXV. A assim chamada Invocação Preliminar da Goetia, com uma explicação completa dos nomes bárbaros de evocação usados nela, e a rúbrica secreta do ritual, por Mestre Therion. Esta é a mais potente invocação existente, e foi usada pelo próprio Mestre em sua consecução.

Liber MCCLXIV. A Cabala Grega. Um dicionário completo de todas as palavras sagradas e importantes e das frases dadas nos Livros da Gnose e outros escritos importantes, tanto em grego quanto em copta.

Numerosas outras instruções estão em fase de preparação, e serão anunciadas no devido tempo. Conforme o espaço permitir, será acrescentada uma série de contos e poemas do mais alto valor místico e mágico.

Lembre-se de que a política da A∴A∴ sempre foi a de não gerar qualquer lucro financeiro a partir das publicações ou de qualquer outra forma, e o The Equinox sempre foi lançado a um preço que mal cobria os custos reais da impressão, isso quando cobrisse. A proposta é continuar com a mesma política em relação ao novo volume. Devido à guerra, o custo de impressão tanto para o papel necessário e o trabalho envolvido aumentaram a um grau sem precedentes, mas o Præmonstrator da A∴A∴ está determinado que não permitirá que essas questões interfiram com o seu programa de publicação do The Equinox em um estilo digno de seu conteúdo. O novo volume de dez números, com média de 400 páginas, não será inferior ao anterior de modo algum, seja em relação ao papel ou à impressão; ou seja, será produzido da melhor forma possível, e será de valor permanente para uma biblioteca.

A aparência geral será uniforme com a do volume anterior, mas a capa será de qualidade melhor.

Amor é a lei, amor sob vontade.

[Todas as questões no que diz respeito às publicações da A∴A∴ devem ser dirigidas ao Cancellarius da A∴A∴, aos cuidados dos editores do The Equinox.]


Traduzido em janeiro de 2019 por Alan M. W. Quinot.

Você está lendo
Março de 1919
Capítulo Anterior
Setembro de 1913